O filme foi feito para homenagear os 14 mil funcionários e os inúmeros clientes afrodescendentes da CAIXA, afrodescendentes no Dia da Consciência Negra, 20 de novembro. Na peça, um narrador declama em off o poema Encontrei Minhas Origens, do poeta e pesquisador Oliveira Silveira, que conta a história dos negros no país e a sua trajetória rumo ao encontro de uma vida brasileira e a uma identidade nacional. O filme tem direção do cineasta Heitor Dhalia (“O Cheiro do Ralo” e “À Deriva”).

Filme

Impressos

caixa_consciencia_negra_1_big caixa_consciencia_negra_2_big

OUTRAS CAMPANHAS DESTE CLIENTE